Niobio
EUR
USD

0

por Bruno Rettore

Tudo que você precisa saber para escolher o seu tênis branco!

Em 30 segundos! Para saber qual tênis branco escolher, além do design, você precisa ficar atento ao uso e comportamento dos diversos materiais, tipos de solado e ao preço! Os principais materiais são: Couro, o mais durável e fácil de ser lavado. Canvas, com boa durabilidade, facilidade de lavagem e preço mais acessível. E os sintéticos, que apesar de serem talvez os mais confortáveis, não têm boa durabilidade. Já o solado pode ser de borracha (mais flexível e leve), de couro (mais duradouro) ou o de madeira (já foi considerado o mais elegante de todos). Você precisa analisar suas prioridades para decidir o que está disposto a sacrificar. 

A primeira peça de roupa que reparam em você é o seu calçado!

Nosso inconsciente repara e julga o outro, através do calçado e seu estado de conservação, acredita? Por isso é tão importante cuidar bem deles, além do que, compensa investir nessa peça do vestuário.

Ao longo das próximas semanas vamos abordar as principais peças que serão a base do seu guarda-roupa. Dos calçados, o primeiro que falaremos é o clássico sneaker branco masculino. Atemporal e versátil, o tênis branco é uma peça fundamental! Agora, com tantas opções de modelos, estilos e materiais, como escolher qual comprar?

Preparamos uma curadoria para que você possa entender o que você deve levar em consideração na escolha do seu tênis, e ao final uma lista com as nossas sugestões dos modelos clássicos.

Por que um tênis branco?

Se você chegou até aqui já deve saber a resposta pra essa pergunta, mas não custa nada reforçar.

Sabe aquela sensação de abrir o guarda-roupas e, mesmo cheio, ver que não têm o que vestir? Isso é muito comum e para não ter esse tipo de problema, lembre-se que o básico deve vir antes do específico. Não adianta ter muitos pares se nenhum combina com as roupas que você usa. Nem ter um calçado cujo uso é muito restrito. Busque primeiro ter o essencial e depois inovar. Tênis branco combina com quase todas as roupas e situações. Se comprar o certo, pode até usar com terno, casamento, para trabalhar, que ficará show!

Para isso, na hora de escolher qual tênis branco comprar, você deve ficar atento a diversos aspectos, por exemplo, ao material que o compõe, à maneira que o solado é acoplado à base do sneaker e ao design do modelo. Vamos começar analisando os diversos materiais e como se comportam. Em seguida farei um agregado dos tipos de solados e seus benefícios. Deixarei os modelos e seus design para a análise no final, pois é o aspecto mais subjetivo de todos.

Meu tênis branco deve ser de qual material?

Não existe certo e errado. Cada material tem seus pontos positivos e negativos, cabe a você definir o que é sua prioridade e o que está disposto a sacrificar. Vale ressaltar que a maioria dos calçados tem suas matérias primas misturadas. Muitas vezes você pode encontrar um tênis que tenha 80% couro e 20% canvas de algodão. Em outra mão você pode ter um que é 100% couro. Não têm como fazer um agregado para os inúmeros resultados de combinações desses materiais, por isso estudamos cada material individualmente. Conhecendo cada material, sua decisão será muito mais assertiva.

Couro

O couro é o material mais durável e fácil de lavar. Essa facilidade ajuda muito quando o tênis é branco. Além disso, é um material elástico, podendo ser esticado e ainda assim resistir à rasgos. Sua respirabilidade é boa (o que reduz consideravelmente possíveis odores), é capaz de isolar o calor e regula bem a temperatura. Em contrapartida seu custo costuma ser mais elevado, quando comparado a outros materiais. É também mais pesado que os demais materiais, o que deve ser levado em conta se você viaja muito e precisa carregar mochilas e malas pra lá e pra cá.

Aprendizados: Excelente durabilidade. Facilidade em ser lavado. Bastante confortável. Preço elevado.

Têxteis/Canvas

Canvas é um material que era extraído exclusivamente da fibra de cânhamo, hoje ele também é fabricado do algodão e da semente de linhaça. Os All-Stars que você tanto vê por aí são feitos de canvas de algodão. São materiais duráveis (não como o couro, mas com uma durabilidade relevante) e com pouca elasticidade (que têm seus lados positivos, como preservar o molde do tênis por mais tempo, mas também seus pontos negativos, como ser passível de rasgos). É um material extremamente versátil pois reage muito bem com os químicos coloríficos, abrindo um leque gigante de cores que em outros materiais não é possível encontrar. Tem apenas um porém: normalmente os tênis feitos com esse material não seguram o tornozelo muito bem, podendo te deixar sujeito à lesões.

Aprendizados: Boa durabilidade (menor que couro). Fácil de ser lavado (menos que o couro, novamente). Confortável. Material com a maior gama de cores (que não é muito relevante em um tênis branco). Preço mais acessível.

Sintéticos

No caso dos sintéticos, temos uma grande variedade de materiais, por isso focaremos só nos dois mais encontrados: Náilon e Espuma Sintética.

Náilon: este material é encontrado em tênis de corrida. É extremamente leve e arejado, o que permite uma das melhores respirabilidades. Tem elasticidade e é muito pouco estruturado, o que garante bastante conforto, mas deixa a desejar na conservação do seu formato.

Espuma Sintética: ou espuma de memória, que também é bastante comum em tênis de corrida por ser leve e confortável. Além do que, moldam o seu pé e amortecem a sua pisada, te prevenindo de lesões. Em contrapartida retém bastante odor e sua respirabilidade não é boa, retendo muito calor nos pés do usuário.


Aprendizados: Pouca durabilidade. Lavagem mais difícil, material suja muito. Pode ser extremamente confortável. Baixo custo.

Falando em durabilidade, além do material que compõe seu sneaker, ponto importante é analisar do que é composto e como é estruturado o seu solado!

Qual o melhor solado e como deixá-lo sempre com cara de novo?

O solado impacta diretamente no conforto da sua pisada. Além disso ele deve ser encarado como um componente que deve acompanhar a durabilidade do restante do tênis. Afinal, não adianta termos um calçado de boa qualidade se o seu solado não for tão bom quanto. Todo o conforto, beleza e durabilidade se perderão por conta deste detalhe. É como uma corrente: o que define o força de uma corrente é seu elo mais fraco.

Para saber se um solado é de boa qualidade, fique atento ao material e à maneira como ele foi fixado no tênis. Ele pode ser colado ao calçado, costurado ou tanto colado quanto costurado. Como a cola costuma ceder ao longo dos anos, a melhor opção é que ele seja no mínimo costurado. Na primeira imagem vemos um solado costurado e na segunda, um colado.

Solado costurado e solado colado

Além disso, existem 3 tipos de solados: os de couro, borracha e madeira. Já este aspecto é como no material do tênis, novamente não temos melhor e pior, são materiais com propostas diferentes e seus pontos positivos e negativos.

Borracha

Geralmente estes são os mais flexíveis e leves, além de absorverem melhor os impactos. Existem diversos tipos de borracha, as mais macias, apesar de mais confortáveis, se desgastam com mais facilidade, enquanto as duras são mais resistentes. Por ser um material maleável, esse tipo de solado é considerado antiderrapante e é impermeável.


Existe um contraponto: a respirabilidade dela é baixa, fazendo com que proliferem mais bactérias na transpiração excessiva, o que resulta em mau cheiro. Para quem sofre com esse tipo de problema ou sudorese, a umidade retida no solado pode resultar em bolhas nos pés.

Couro

Estes solados geralmente são mais duradouros, absorvem melhor a umidade gerada pela transpiração, são maleáveis e se moldam melhor aos pés. Porém isso os faz o mais confortável, uma vez que o solado de couro não é tão macio quanto o de alguns de borracha. Além disso, costumam encarecer o calçado.

Madeira

O solado de madeira é bastante elegante, porém por ser muito rígido, te privando de ter conforto algum. Fique atento! A grande maioria das solas de madeira são na verdade couro sintético, microfibra ou até mesmo uma borracha que tenta mimetizar esse material. Se, por um acaso você comprar o solado não sendo madeira de verdade, pode esperar que ele se descasque ou se esfarele com o tempo.

Uma recomendação minha é sempre renovar o seu solado, independente do material que você escolher. É muito difícil apenas com limpezas, deixá-lo com uma boa aparência, tendo em vista que essa é a parte que se suja mais. Por isso, compensa depois de uns anos, ir até um sapateiro do seu bairro para reformar o seu solado. Lembre-se, um solado costurado é sempre mais duradouro, portanto, caso seja possível por conta do modelo, peça para costurar e colar o solado nesta reforma, deixando seu tênis com cara de novo!

Qual o design mais versátil?

Esta é a parte mais subjetiva, pois cada um tem um gosto e um estilo. Vou te mostrar os principais e mais clássicos sneakers brancos com suas diversas propostas, categorizados por preço.

Existem diversos modelos no mercado da moda masculina e uma classificação comum à todos eles diz respeito ao cano: podendo ser cano alto ou cano baixo. Sobre esse ponto, você pode ter a flexibilidade que quiser. Particularmente recomendo um de cano baixo para uma peça tão fundamental do guarda-roupas, e deixaria para usar e ousar um cano alto em um outro tênis com outro objetivo. Fique atento pois tem modelos que se encontram com ambos os canos disponíveis, enquanto outros apenas em um deles.

Existem modelos com cara esportiva, casual ou mais elegante. Os modelos também podem variar na cor do solado, na presença ou não da logo da marca, na quantidade de camadas que formam seu desenho, entre outros aspectos. Abaixo deixei um exemplo de um sneaker casual branco sem logo aparente e com poucas camadas e, à sua direita, um com uma pegada mais esportiva, com mais camadas e com logo aparente:

Comparação Tênis Branco com poucas camadas e muitas camadas

Este com poucas camadas é da Koio. Deixa seu estilo bem menos poluído e te deixa mais elegante! O da direita tem muito mais informação e dispersa o foco que deve ser você, porém são pegadas diferentes, que satisfazem estilos diferentes. Se quiser ver todas as fotos dos que separamos e seus respectivos nomes, acesse o link que te levará para o nosso Board de Tênis Brancos no Pinterest. De toda forma, segue abaixo nossa lista:

Abaixo de R$ 300,00

Converse Chuck Taylor - R$ 180
Puma Smash Ace - R$ 200
Converse Jack Purcell - R$ 220

Entre R$ 300,00 e R$ 500,00

Vans Classic Slip On - R$ 300
Vans Old Skool - R$ 330
Adidas Gazelle - R$ 350
Adidas Stan Smith - R$ 350
Nike Air Force 1's - R$ 400

Acima de R$ 800,00

Lacoste L.12.12 - R$ 900
Axel Arigato Clean 90's - $ 230, no Brasil R$ 1.200
Common Projects Achilles - $ 410, no Brasil R$ 2.400
Koio Capri Triple White - $ 250, no Brasil R$ 2.600

Alguns que estão em alta hoje, como o Balenciaga Triple S e outros dad sneaker, cujo o tempo (ainda) não validou, não recomendo. Foge completamente da proposta da moda atemporal e o investimento não é aconselhável.

Por fim, quero compartilhar com vocês que sou partidário de uma moda mais clean e duradoura. Para esse tênis, no meu guarda-roupas, por uma proposta mais elegante e casual, se quisesse uma peça muito duradoura e tivesse condição de investir bastante nela, optaria pelo Capri Triple White, da Koio. Um sneaker branco, de couro, com sola de borracha colada e costurada, de design extremamente clean, com poucas camadas e cano baixo. Recomendo também o Stan Smith, da Adidas, que apresenta extremo conforto, qualidade e durabilidade à um preço muito acessível. Tênis branco nem sempre é o que a maioria dos homens está acostumada a usar, portanto o Stan Smith talvez seja a melhor porta de entrada para a experimentação desse tipo de calçado! Espero ter ajudado, qualquer dúvida que tiverem entrem em contato que responderei assim que possível!

Processing...

adicionado com sucesso.

adicionado com sucesso.